terça-feira, setembro 04, 2012

Corrente De Reviews: Puni Puni Poemi - É Nabeshin Aloprando, Baby!!!


Sim, eu também faço parte desta farofa! Também entrei no "amigo secreto" da Corrente de Reviews...e como SEMPRE aconteceu comigo em todo amigo secreto que entrei, é claro que me ferrei. Um dia tu vai levar o troco, Diogo Prado, vulgo Sr. Anikenkai...de alguma forma, ainda que demore...WHAHAHA!!!

Mas a idéia foi sensacional; um blogueiro indicando um anime para outro, geralmente sendo um que o indicado não assistiria em condições normais. Deu pra ver reviews curiosos e até mesmo alguns REALMENTE se f*dendo com suas indicações. Eu até que me dei bem, de certa forma. Confesso que fiquei putasso pela indicação, pois foi um anime que quando vi na época que saiu (em 2001) eu não gostei. Sei lá, mas simplesmente não simpatizei. E mesmo agora, pode ser que eu tenha aceitado ele melhor, mas simplesmente não me marcou. Ele tem coisas bem interessantes pra se notar, mas no geral ele tem um sério problema de não ser fácil de se indicar para alguém. E vou explicar o porquê disso a seguir.

No caso, foi Puni Puni Poemi que caiu na minha mão, mais uma vez. E claro, tinha que ser algo do louco do Watanabe Shinichiro, vulgo Nabeshin. OK, mas quem é esse porra?

Esse aí é o porra do Nabeshin. O cara que literalmente inventou os animes de comédia insana como conhecemos hoje. E não, não é cosplay, ele gosta de se vestir assim mesmo. Faz todo o sentido, mesmo que não faça...

Bem, se a imagem lá em cima não deu uma pista, EM TESE esse seria um anime de Mahou Shoujo. É, entendo que os guris do Troca Equivalente talvez tenham me jogado esse anime já que eu tenho certa experiência no assunto "desconstrução de garotas mágicas", já tendo tocado nisso uma, ou duas, ou mesmo três vezes por aqui. Mas apesar de no fim do anime ter uma crítica clara a um aspecto da cultura otaku, não há uma desconstrução propriamente dita. Ao contrario do que um certo pilantra falastrão disse por aí (pra ser mais claro, o hipster filha da puta do Lancaster), isso foi feito não com a função de criticar, mas de fazer piada pura. Nabeshin gosta de aloprar, e tirar onda com uma parcela do público otaku foi mais um mecanismo pra isso. Não é nada que ele já não tenha feito em seu trabalho anterior a este, a versão em anime de Excel Saga.

E falando em Excel Saga, Puni Puni Poemi era meio que uma piada interna do staff do anime, depois virou um "anime dentro do anime" como Kujibiki Unbalance era em Genshinken, por exemplo. E da mesma forma que este último, virou algo real nesse OVA em duas partes.

Kobayas...Poemi, você é só uma menina, não pode falar palavrão!

A alopração já começa com a nossa protagonista, Poemi Watanabe, que chama a si mesmo de Kobayashi, fazendo referência a sua própria dubladora. E a demente quer ela mesma ser dubladora...

Sério, apenas deixem eu fazer o review, NÃO TEM como eu explicar essa cachaça e fazer algum sentido inteligível ou que faça qualquer outro tipo de sentido...

Pois bem, essa guria é filha do Nabeshin (que, da mesma forma que em Excel Saga, TAMBÉM é um personagem desse anime) e duma outra louca lá, e eles vivem num barraco numa praia. Aí chega um ET escroto com bagos de boleadeira e mata a família dela, enquanto ela tava indo pro colégio. E lá no colégio, quem espera pela Poemi...


CERTAS conhecidas minhas aprovam isso...^^

...é a versão Unlimited da Tomoyo (ou da Erika/Cure Marine), a Futaba. Essa aí é ilimitada porquê ela não fica no innuendo, ela é direta como um trem nos trilhos que não seja o DenLiner. A Poemi é a Mahou Shoujo, mas é ela que quer "fazer a mágica" nela...

 Então, sem pai nem mãe nem uns ferrinhos no bolso, e como ela não tem atrativos nem talento para a prostituição (lolis ainda não eram tão populares assim que nem hoje), Poemi é levada pela Futaba pra casa dela, pra morar com as irmãs despirocadas dela.

 Aliás, eu acho que não falei nisso, mas essa peste da Poemi parece ter sido amamentada com café expresso plantado em Chernobyl, pois a desgraçada NÃO FICA QUIETA UM SEGUNDO! Não faço idéia do que a dubladora dela tomou pra fazer esse papel, mas duvido que a PF deixasse isso passar na alfândega daqui...

Aí acontecem mais umas porras aqui e acolá...e mais...Wibbly Wobbly Timey Whimey...Stuff. E...



Não é o que parece...


Eu disse...e isso aí é o morfador dela.

A esta altura você deve ter se acostumado com a escrotidão, não reclame!

Tá, pulando os detalhes (pois piadas não tem graça quando explicadas), depois que ela consegue o poder de morfar em Mahou Shoujo ela começa a fazer MUITA merda por aí...

Já sentiram o nível da merda agora?
E só pra constar, uma lição para a vida:

Faça isso de noite, seu onanista!

Nunca se esqueçam, OK?

Mas se bem que se tem a versão genérica da Tomoyo, putaria tem de sobra:

Que sem-vergonhice! Mas gosto da sua sinceridade, Futaba...


Bem, mentes tortas tem em todo lugar nesse puteiro mesmo...

RAIDAAA...ROCKETTO DORIRU KIIIIIICKU!!!
Ah, isso com certeza absoluta! Tomem em cheio, seus leite-com-pêra!

Não tenho muito pra falar do final do OVA, mas eis a parte que "acham" que é desconstrução.
Protip: não é.

Intelectual? Só se for a louca de óculos ali em cima...

E isso dito pela versão shota do Matou Shinji não é grande coisa mesmo...só o texto engana um pouco, mas com as imagens não dá pra levar a sério. Bem, é o Nabeshin, não dá pra levar a sério...

...ainda mais que ele mostra que NÃO morreu logo depois disso...

É, não consigo explicar essa bagaça. Não se explica piada, eu já disse!


Taka! Tora! Batta! TaToBa! TATOBA, TA-TO-BA!!!

Em suma, entrei na onda da série e não quis comentar muito. É uma FUCKING COMÉDIA, não é pra fazer pensar em algo, é pra fazer você se MIJAR DE RIR! É difícil de fazer um review de algo sem dar os spoilers, mas tem uma coisa que posso deixar bem clara sobre Puni Puni Poemi: da mesma forma que Excel Saga, o humor da série é frenético demais, e é bem provável que não seja do gosto de todos. Eu fui um pouco mais receptivo pra esse OVA agora em comparação com anos atrás. Mas, mesmo gostando desse tipo de comédia insana, no meu caso Poemi não deu. Dei umas boas risadas, mas ainda assim achei que ele foi meio que sem freio demais. 

Porém, acho até que posso recomendar pra quem tiver a fim, mas aviso que você precisa ter muito boa vontade com esse humor aloprado, coisa que muitos não estão acostumados. Se tiver, beleza. Vai firme que a diversão vai valer a pena. Vale a máxima que faz do nobumami o tipo de blog que eu quero que seja: com leitores que formem as suas próprias opiniões, com base em suas próprias conclusões. Eu apresento o meu ponto de vista, mas o de vocês é próprio de vocês, certo?

Mas o melhor momento do anime é sem dúvida quando a Poemi mata a mongolóide da Sailor Moon! 
CHUPEM, MOONIES MALDITOS! WHAHAHAHAHA!!!!


Essa brincadeira até que foi divertida...mas vai ficar mais agora, que é a MINHA VEZ de indicar o próximo blog a avaliar a minha indicação. Bem, como não conheço a gurizada do próximo da lista, então não tem razão de judiar deles. É uma pena, mas vou ter que ser bonzinho desta vez ...


Agora  a bola tá com vocês, pessoal do Blog Anime Idéia! E a missão que eu lhes darei será...Pegar Carona Em Uma Estrela Cadente! Allons-y!


Não, não vou botar música da Poemi! Assistam o anime, pô!