terça-feira, março 27, 2012

Saint Seiya Omega: É Claro Que Pode Ser Algo Bom!


Um novo Saint Seiya? Vejo que voltei em boa hora...Claro que o tempo que eu fiquei sem postar nada não significa que eu estava alheio ao que andava acontecendo. Mas escolhi um bom momento pra tratar desse assunto, já que, novamente, uma corja de losers sofrendo de esclerose múltipla começou a encher o saco mesmo antes do primeiro episódio ir ao ar. E são reclamações estapafúrdias, pra variar.

Não dá pra entender esse tipo de coisa; muita gente gostaria mesmo de uma sequência de Saint Seiya, e agora que sai uma que parece bem promissora, respeitando e continuando a mitologia do original, e renovando a franquia para ser também atraente a geração atual, esse bando de gordos virgens de 30 anos começa a encher o saco. Na boa, que vão todos os queixosos pra casa do caralho. Junto com os haters da modinha, que odeiam por odiar, sem razão além da vida frustrada de aborrecente. 

Ainda mais que a culpa de não ter uma terceira temporada pro anime de Lost Canvas é deles que não compraram os DVDs das temporadas anteriores. Fora os fansubbers-soco da vida que não cessaram a distribuição quando o licenciamento oficial foi anunciado...

Quero mesmo aproveitar a polêmica menor com Saint Seiya Omega pra entrar nesse assunto: a "Geração Naftalina", que preserva de forma fedida seus ícones da infância ao mesmo tempo que critica produções novas das franquias que eles cultuam, mesmo que essas novas produções sejam, na maior parte das vezes superiores em todas as áreas. Tem vezes que é a maldita memória afetiva desses perdedores, ou por quê vai contra a sua idéia pessoal de sequência (fic writers são boa parte desse grupo), ou mesmo a dificuldade em admitir que algo da geração atual seja de fato melhor que seus ícones. É patético e nojento.

Sim, há casos que nem o corno do Michael Bay, que cagou em cima de Transformers e agora vai limpar o rabo com Tartarugas Ninja. Mas há ótimas releituras e revivals que renovaram outras franquias antigas, com todo o respeito e destaque que honraram os originais.

      

Não por acaso, Saint Seiya Omega tem o mesmo chara design de Casshern Sins. E a mesma direção de Heartcatch PreCure, o que garante que as lutas serão num estilo que respeita o original, mas bem melhores do que jamais foram.

Sim, Heartcatch PreCure é Mahou Shoujo. E também tem porradaria de qualidade.

 

Cure Moonlight é foda. E mais uma vez é provado que, quando eu falo que alguma coisa é foda, ela realmente é, ponto!

Só esses dois fatores já derrubam qualquer argumento dos velhos queixosos. A maioria das séries PreCure conseguem não deixar a peteca cair, já que elas passam logo depois do Super Hero Time. E no caso, passava Kamen Rider W antes de Heartcatch. Isso também já prova mais ainda meu ponto... Mas, mesmo que eu tenha toda a razão nesse ponto, tô fugindo do tópico, então vou deixar pra outra hora tratar de falar mais dessa e outras séries PreCure...

Ainda assim, dava pra usar só os Kamen Riders e Super Sentai como exemplos; as franquias estão sempre se renovando e agradando tanto a gurizada mais nova quanto os mais velhos que não são teimosos com merda na cabeça. Um ponto que defendo a todo custo é que quem mais precisa de heróis são as crianças da geração em que eles são criados. Por isso, eles devem se adequar com os (bons) valores da era da sua geração, e não a dos seus pais; estes que sigam acompanhando se assim quiserem. Na verdade, os pais DEVEM estar cientes de que o que seus filhos vão assistir é adequado ao valores que eles devem aprender para a idade deles.

Mas que não me venham com o papo de "os do meu tempo eram melhores". Os seus clássicos eram feitos pras crianças do seu tempo, não para as SUAS crianças. Reprovação a algo que as crianças deveriam assistir deveria ser baseada, em tese, a situações que não são adequadas ao horário que o programa está sendo exibido, como nudez e violência em exagero (por isso que GARO passa de madrugada, assim como os animes com fanservice). Sexo e violência são conteúdos que não fazem uma obra ser "adulta", mas que complementam uma que tenha um roteiro que por si só é maduro. Fora disso é apelação.

E não, elas não devem ser apresentadas para crianças sem que um adulto explique bem o contexto. Se pais e responsáveis se dignassem a educar em casa em vez de deixar uma tela fazer isso por eles, as coisas melhorariam. Não são só os professores que devem educar, sabiam?

Muita gente não se tocou que os anos 80/90 serviram como um período de experimentação, para saber o que deveria ou não ser veiculado em certos horários da programação. Agora que já sabemos o que deve ou não passar em certos horários, não há razão pra expor as crianças a certas coisas sem razão.

Esse período de libertinagem permitiu a existência de barbaridades como Ren & Stimpy, que NUNCA passaria em um canal como a Nick atualmente (mas que o Kricfalusi foi amamentado com Detefon, já sabemos...e a Nick tá uma bosta também) O episódio Man’s Best Friend foi um dos maiores PQP (de forma negativa) que soltei ao ver um desenho na vida. Só vá atrás se tiver estômago pra isso...

...ou leia este artigo foda do Amer. E se eu disse que é foda...^^ 

Ainda assim, não quer dizer que eu seja contra o que se fazia na TV antigamente. Os Trapalhões que o digam! Só acho que cada geração tem sua maneira de pensar, e não devíamos impor certos valores que talvez a geração de agora não esteja tão preparada quanto nós estivemos. Eles são mais sensíveis do que nós? Que bom que é assim, menos chances de serem ignorantes. É a geração deles e não devemos dizer pra eles o que é legal ou não; eles que determinam isso, e vai ser assim pra cada geração que vier.

Da mesma forma, vocês PODEM gostar (ou não) das coisas criadas agora. É direito de vocês. Mas os parâmetros mudam a cada geração. Se eles curtirem o que vocês gostavam, beleza. Mas a opção e o gosto ainda são deles. Lamente, mas respeite o gosto. Da mesma forma que você gostaria que a geração passada tivesse feito para contigo. 


Ainda assim, eu quero dizer com isso que os fãs antigos não devem ver Omega? Muito pelo contrário, eles TEM O DEVER DE ASSITIR! Isso SE forem fãs de verdade.

Razões tem de sobra. A história continua mostrando o que aconteceu após a série clássica (e supostamente Next Dimension será emendado a Omega, podendo torná-la canônica). A nova geração de cavaleiros de bronze conta com referências claras a geração passada, e por si só já é um grupo bem interessante, sem contar o cast de dublagem pra eles...apenas olhem aqui quem vai fazer quem... E PQP, o Seiya ATÉ QUE ENFIM foi promovido a Cavaleiro de Sagitário, o que TODO MUNDO queria ainda na época da Manchete...mesmo com todos os "poréns", é uma sequência que não dá pra se ignorar. Ainda que eles façam o de sempre, resgatar Athena de um deus maligno...

Bem, eu sei que vou assistir não só por ser da geração da Manchete, mas também por saber que a equipe que vai cuidar de Omega é bem competente. Além disso, se der certo, quem sabe o próximo não seja o Episódio G? Pelo menos um Drama CD já tem...

Concluindo: assistam antes de julgar por imagens promocionais, e tomara que dê certo!


       


Kageyama é foda também! E quem discorda que vá pra p...

E claro, eu não confiaria no Crunchyroll por hora. Pra quem deixou o mangá de maior popularidade da Jump escorrer pelas mãos, aquele imbecil comedor de alfafa do MDG não conseguiria providenciar um simulcast de Saint Seiya Omega...

sábado, março 10, 2012

Eu Tô Cansado Pra C*R*LH0...


...e é por isso que não venho atualizando os blogs, mesmo tendo conteúdo pronto faz eras.

Com o trabalho onde estou, tá mesmo MUITO DIFÍCIL conseguir descansar e postar qualquer coisa. Acreditem, venho tentando desde janeiro fazer isso. Mas o cansaço tá foda. Como trabalho de noite, tenho que dormir de dia. E é SIMPLESMENTE IMPOSSÍVEL conseguir descansar com esse calor da PQP. Ando bem esgotado por causa disso. E essa é a verdadeira razão de eu não conseguir postar nada ultimamente.

Fui forçado a sacrificar um pouco de sono pra postar isto, já que eu recebi um monte de PMs de certo indivíduo no Twitter me enchendo o saco a respeito de atualizações, em especial no Meta Sekai. Por isso vou deixar claro: diferente de uns e outros garotinhos leite-com-pêra sustentados pelos pais, eu pago parte das minhas contas com meu trabalho, incluindo minha internet. E é um trabalho duro, bem longe da área que eu gostaria. Mantenho o nbm² porquê eu gosto, mas ele não paga minhas contas. 

E como meus leitores mais antigos já sabem, eu tô cagando pra coisas tipo review de anime da temporada. Não preciso cuidar de falar do que é mainstream a menos que me interesse, já que há uma cacetada de outros blogs e sites que já fazem isso (e a maioria faz isso mal, diga-se de passagem). Mas também não sou (tão) douchebag a ponto de postar só sobre coisas obscuras demais (como falar de mangás que não tem scans traduzidos e a maioria não pode conferir, como uns e outros também fazem). Não sou nem populista nem elitista. Sou o que sou e tô feliz assim.

Por isso que eu criei uma conta de Twitter. Não me importo em ter centenas de seguidores (e bloqueio tanto bots quanto malas sem alça), pois criei essa conta pra ter um contato mais direto com meus leitores quanto pra avisar quando posto coisa nova nos blogs. Fico honrado por quem me segue, mas basta apenas dar uma olhada na minha TL pra ficar a par de quando tiver atualizações. 

Enfim, esse foi um pequeno desabafo. É bem provável que, quando eu botar o descanso em dia (ou a temperatura baixar ou eu comprar um ventilador mais potente) eu retome o ritmo de posts. Tem MUITA coisa que eu quero postar, mas como eu já disse...


Mais uma coisinha pra refrescar os pensamentos:



Melhor versão desse clipe que vi até agora^^