sábado, fevereiro 26, 2011

Aquapazza: Novidades da AOU e Presença na Tougeki 2011!


Já apareceu mais coisa de Aquapazza na AOU, e como prometido, lá vem a informação. Houve testes abertos com uma build beta do game, e já dá pra se ter ideia de um monte de coisas. Note-se que, por ser uma build beta, muitas coisas ainda não são definitivas e podem mudar na versão final.

- Você escolhe dois personagens, o primeiro será o que você controla diretamente e o segundo será usado exclusivamente como Assist/Striker, de forma bem parecida com Vanguard Princess.
- Uma barra, na forma do círculo em que está a foto do personagem determina quando você pode chamar o parceiro para fazer um ataque. Na build beta esse marcador enche bem rapidamente, entre 1 a 2 segundos entre cada invocação.
- As ações dos parceiros parecem variar um pouco; Satsuki pode dar um ou vários tiros, por exemplo.
- O parceiro além de ataques normais, também pode fazer Supers próprios, queimando níveis de especial, claro.
- As animações da tela de seleção estão magníficas, muito bem feitas. Além do nome do personagem, também aparece o nome do game de origem.
- Não há troca de parceiros entre os rounds.
- Os parceiros não se portam da mesma forma quanto ao posicionamento; Enquanto Mizuki fica quase sempre no meio da tela, Satsuki acompanha o parceiro constantemente. Mas mesmo não acompanhando o parceiro, Mizuki ainda podia ser invocada não importando a posição do jogador que a escolheu.
- Depois de escolher a dupla, você pode escolher entre modos Normal e Simple para os botões.
- As lutas são na tradição de melhor de 3 rounds, e a barra de energia é dupla, como na série Real Bout Fatal Fury.
- Em mais uma referência a RBFF, quando a barra de energia perde o primeiro nível, a foto do personagem fica com expressão desesperada. Só um enfeite visual ou indicador para ativar algum recurso especial?
- Chain combos simples (A->B->C) são possíveis.
- Há Wall Bounce (quicar na parede), o que permite encaixar mais golpes.
- Há também a possibilidade de acertar golpes em OTG (com o personagem caído), pelo menos com golpes específicos, como a “derrubada de estante” da Manaka.
- Há um recurso chamado “Emotion High”, visualmente parecido com o X-Factor de MVC3, em que uma aura vermelha envolve o personagem. Da mesma forma há o “Emotion Low”, com uma aura azul. Quando qualquer das auras some, aparece o indicador “Emotion Neutral”. Não deu pra saber pra que servem, ao menos por hora.
- Pelos vídeos, o game tem um feeling meio próximo a KOF: só que com o jogo mais centrado no chão (sem o pula-pula dos matches de KOF), com variações de pulos e com um ritmo bem rápido. É bem o oposto de Arcana Heart e Daemon Bride, com um game mais convencional que os títulos antigos da Examu.
 

 Estas infos foram todas baseadas no que aparece neste vídeo:



Também estavam disponíveis nesta build beta cinco personagens jogáveis e cinco exclusivos para suporte:

Personagens Jogáveis:

Multi (To Heart)
Tamaki (To Heart 2)
Manaka (To Heart 2)
Arawn (Tears To Tiara)
Karura (Utawaerumono)


Personagens de Suporte:

Kamyu (Utawaerumono)
Satsuki (Routes)
Mizuki (Comic Party)
Rathy (Tears To Tiara)
Yuma (To Heart 2)


Algumas fontes diziam que o lançamento de Aquapazza seria em março, mas é pouco provável. A menos que eles estejam escondendo metade do game ou estejam a fim de lançar um game só com esses personagens...

Claro que saiu também o preview oficial do game, mostrando que a qualidade visual está de fato, excelente:



Vale citar mais uma coisa curiosa: o projeto de um novo game de luta da Aquaplus é antigo. Durante o evento Aquaplus Festa 2009, um vídeo do protótipo do game foi apresentado, ainda sem nome e com gráficos fracos. Nesse primeiro game estavam Tamaki, Multi (que já estão em Aquapazza), Hakuoro (Utawaerumono) e Riannon (Tears to Tiara). É bem provável que estes dois entrem no game, assim como a Aruru lutando em cima do tigre dela, como muitos querem ver...^^

E pra terminar, Aquapazza também vai fazer parte do lineup da Super Battle Opera 2011. É estranho ainda mais pelo fato do game não ter sido lançado ainda, mas se Mortal Kombat 9 vai participar da EVO (e até prova em contrário, pode ser uma porcaria como sempre é desde depois de Ultimate MK3) graças a grana da Time Warner, a Aquaplus também pode fazer o mesmo com Aquapazza. E pelo que vimos, o jogo pelo menos está decente. E isso significa que o lançamento está BEM próximo, talvez em março ou abril mesmo, pra dar tempo do pessoal treinar para a SBO. Se vai render, só vamos saber durante o torneio (que terá também Super SF4 Arcade Edition, Super SF2 Turbo e Blazblue Continuum Shift 2). Até lá o negócio é esperar pra ver... 

E como deu pra perceber, eu vou jogar com a Tama-nee^^



Off-topic sério: Não, eu não me enganei quanto a Satsuki ser uma “OG Chara”. Eu na verdade menti deliberadamente (eu tenho a coleção completa de games da Aquaplus aqui, o que inclui Routes também, oras) pra comprovar se certo site estava deliberadamente roubando informações postadas aqui. E quero advertir ao plagiador que ele e seus companheiros de site não tem autorização nenhuma para usar conteúdo nem do nbm² nem do Meta Sekai. Da próxima vez vou tomar providências sérias, leia-se: meios jurídicos. Da próxima, peçam autorização antes de publicar e ponham os devidos créditos. E fiquem felizes que não citei o nome do site aqui. 

Peço desculpas aos meus leitores pela lavagem de roupa suja, mas tem horas que não dá de agüentar certas sacanagens...

quarta-feira, fevereiro 16, 2011

Life of Maid: Especial de Valentine's Day 2011!


Todo mundo fazendo chocolate. Mas pra mim que é bom, nada... 



Aproveitando a deixa, vou falar sobre Madoka Magika em um post futuro. Valeu pela chance pro jabá, Patchu^^ 

 Feh, o Kourin deu sorte...ou não...:P

F0%@-se ele, pelo menos ele ganhou. E da Flandre.. DA FLANDRE, ainda por cima!

Filho da P%&@! 

sábado, fevereiro 12, 2011

Shin Koihime Musou Arcade Edition: Ainda MAIS PORRADA!


Primeiro Eroge, depois anime, depois a frescura da localização do eroge pela Manga-Gamer, e agora também game de luta! Koihime Musou também vai virar game de luta para arcades, e segue uma pá de fotos:









Mais um que vai seguir sistema de Assist/Strikers, ou Tag, talvez? É mais um que terá maiores detalhes revelados na AOU 2011, dia 19 de fevereiro.

Só sei de uma coisa: eu queria estar lá. Este ano tá fervendo em se tratando de porrada...

sábado, fevereiro 05, 2011

Feliz Ano do Coelho!

'nuff said. E eu queria desculpas pra postar essa pic mesmo^^ 

Quartett: Enfim, Saiu o Patch de Tradução!


Depois de uma LONGA espera (pouco mais de quatro anos!), enfim saiu o patch com a tradução completa de Quartett, da produtora Littlewitch (que infelizmente encerrou suas atividades no final de 2009), cortesia do Amaterasu Translations. O patch está disponível aqui, e é compatível com a Standard Edition 1.0, que acompanha o DVD release do game que saiu em 2006. Caso vocé tenha a versão em 2 CDs, atualize-a com este patch de update antes de aplicar o de tradução.


Lançado em 2004, Quartett é um game que chama atenção por dois motivos: sua bela arte em estilo de aquarela, suave e diferente do padrão cel shading dos demais títulos; e sua engine peculiar, que mostra o texto na forma de balões de texto, exatamente como numa história em quadrinhos, em vez da clássica caixa de texto na parte de baixo da tela.



 Dá pra se entender a razão do patch ter demorado tanto, já que além dos membros do time de tradução terem pouco tempo para se dedicar ao projeto (afinal, todos temos a vida pra tocar), é de se esperar que uma engine peculiar como a de Quartett seja mais complicada de se lidar. Algumas pequenas partes do game estão sem tradução (como algumas imagens e menus), mas nada que atrapalhe.

O principal problema é que, justamente pela Littlewitch não existir mais, não será fácil conseguir legalmente uma cópia do game fora do Japão. Talvez seja um caso de recorrer a "certos" meios...mas vale a pena. 

Mais uma coisinha interessante é este outro patch que adiciona vozes diretamente da versão all ages para PS2, e que deve ser usado com este patch de correção de bugs, evitando alguns crashes. Isso só aumenta ainda mais a diversão deste game. Quartett é um game ímpar, e altamente recomendado, ainda mais por ser tão original dentro de seu próprio gênero, onde (boas) inovações são raras...

Quanto ao assunto da Jast e seus recentes licenciamentos (incluindo Eien no Aselia), vou dar uma pesquisada e falar com certas fontes pra postar algo relevante sobre essapolêmica, que (pra variar)deve ser mais exagerada do que é...por hora, façam como eu e aproveitem Quartett, de qualquer  forma, é mais do que recomendado. Sim, eu já disse isso. E é a mais pura verdade, oras^^