domingo, novembro 25, 2007

Fate/Unlimited Codes: Primeiros Vídeos Disponíveis! (e Minhas Primeiras Impressões, Se Interessar...)

O site oficial para a nova investida da Capcom para ganhar uns cobres com os otakus e pra poder custear a produção de Street Fighter 4 (oras, claro que isso também tá na pauta deles, não é?) finalmente está no ar. E desta vez eles foram boa gente e largaram alguns vídeos lá. A password que precisa ser digitada lá é “saber”. Outros sites também liberaram vídeos e algumas fotos: tem na Dengeki Online, no Gpara, no GA Graphic, e por último no Impress game watch.

Mas como eu sou mais eu, eu achei um vídeo no You Tube que contém todos os trailers do game play. O link é este aqui. Simples e direto...

Bom, lá vão meus comentários, com base no que vi até agora:

– Até agora os vídeos já confirmaram Saber, Archer, Lancer e Berserker como personagens jogáveis; mas apesar de já terem aparecido nas artes oficiais (feitas pelo Takeuchi Takashi, claro) Shirou e Rin até agora não deram o ar da graça no jogo. Mas tomara que eles coloquem bem mais personagens, pois só os sete Servants (e mais um chefe, e é praticamente certo que Gilgamesh pega esse posto) é pouco, ainda mais se considerar que a 8ing enfiou uma porrada deles em cada game de Naruto e Bleach que eles fizeram. E o universo de Fate tem personagens de sobra; basta ver quantos tem disponíveis em Fate / Tiger Colosseum do PSP, e todos aparecem em Fate/Stay Night e Fate/Hollow Ataraxia, graças a mente de Kinoko Nasu.

Ainda sobre esse assunto, eles podem mesmo adicionar mais personagens, mas todos nós sabemos que fica difícil caprichar muito na jogabilidade com muitos personagens (por questão de custos e prazos). Eu tenho esperanças de que eles adicionem pelo menos alguns personagens de todas as três rotas de Fate/Stay Night (Fate, Unlimited Blade Works e Heaven’s Feel), como a Dark Sakura ou o True Assassin, por exemplo. Ou mesmo alguns de Hollow Ataraxia como Bazett Fraga McRemitz (a Master original de Lancer, uma das principais de Hollow Ataraxia) ou Avenger (o Servant de Bazett no lugar de Lancer, já que Kotomine o roubou junto com o braço dela no game anterior).

E desculpa para “misturar” temos uma boa: o foderoso Kishua Zelretch Schweinhorg aparece em ambos os games e tem gabarito para tal. De fato, é o único até agora no universo da Type-Moon além de Aoko Aozaki que dominou a “verdadeira” Magia que permite “Milagres”. Sua Magia, Kaleidoscope permite que ele atravesse dimensões e realidades alternativas (como em Chrono Cross do PS1). E esse já foi um argumento para o enredo daquela piada de primeiro de abril do game Notorius Brand (que era no estilo de Melty Blood e diziam ter DOZE botões além do direcional). Um personagem capaz de rivalizar com Aoko e que poderia servir de desculpa para juntar personagens das demais rotas. Bom, a essa altura a 8ing já tá com o game pela metade e duvido que eles tenham pensado nisso, mas quem sabe numa seqüência...


– Outra coisa: é bem provável que eles lancem SIM esse game no ocidente, mesmo que seja apenas a versão para consoles. O mercado de anime nos EUA é bem forte, e desnecessário dizer que o anime de Fate fez um bom sucesso por lá. Jojo’s Bizarre Adventure era bem mais desconhecido que Fate (na época de lançamento do game da CPS3) e ganhou versão americana para PS1 e DC. Tá certo que eles não estão melhores do que naquela época, mas basta ver o quanto vendem os games baseados em animes nos states; o valor justifica e compensa uma localização tranqüilamente. E como todos sabemos que a Cap VAI precisar de grana para SF4 quanto mais eles venderem melhor. Sem contar que o que apareceu até agora parece mais ligado ao anime. Então, eu não duvido de uma versão americana.

– Tem uma coisa que saiu num papo de domingo regado a GGAC, bolacha recheada e Guaraná Charrua aqui no pessoal que eu preciso citar:aqui nós chegamos a conclusão de que tanto Fate/UC como Sengoku Basara X são não só caça-níqueis como também campo de testes para ver a aceitação de certos elementos em SF4. basta olhar para SF3 e ver como tem coisa ali que saiu de outros games da Capcom que vieram antes dele, como SF Zero, Darkstalkers, e os “Crossbuggers” com a Marvel. Muita coisa que apareceu em games como esses foi reaproveitada em SF3, tanto de forma normal ou modificada. É provável que a Capcom esteja testando a aceitação de elementos como gráficos 2D e 3D e mecânicas de jogo (parry, super cancels, etc).

Isso sem contar que há uma boa chance do staff da Arc System Works, 8ing e Cavia estarem “em período de experiência” para ver se eles podem talvez serem recrutados para a produção de SF4; lembrem-se que o staff responsável pelos clássicos de luta da Cap não está mais na empresa faz muito tempo ( e isso inclui o “pai” de SF, Yoshiki Okamoto), e eles vão precisar de gente de fora pra SF4. O fato de serem outras empresas fazendo Fate/UC e Basara X só reforça a suspeita. Mas claro, são só hipóteses...

Isso é o que dá para especular por hora. Vamos ver daqui a algumas semanas para ver no que dá...

Um comentário:

Anthoni disse...

Acha q Fate Unlimited Codes pode convertido para versão de PlayStation 2 pq esse jogo arrebenta!